๐€๐ž๐ซ๐จ๐ฉ๐จ๐ซ๐ญ๐จ ๐๐š ๐‡๐จ๐ซ๐ญ๐š. ๐ˆ๐ฅ๐ขฬ๐๐ข๐š ๐๐ฎ๐š๐๐ซ๐š๐๐จ ๐๐ข๐ณ ๐ช๐ฎ๐ž ๐š๐ฆ๐ฉ๐ฅ๐ข๐š๐œฬง๐šฬƒ๐จ ๐๐š ๐ฉ๐ข๐ฌ๐ญ๐š ๐žฬ ๐ฎ๐ฆ๐š ๐จ๐ฉ๐จ๐ซ๐ญ๐ฎ๐ง๐ข๐๐š๐๐ž ๐ช๐ฎ๐ž ๐ญ๐ž๐ฆ ๐๐ž ๐ฌ๐ž๐ซ ๐š๐ฉ๐ซ๐จ๐ฏ๐ž๐ข๐ญ๐š๐๐š


A deputada do PSD/Aรงores na Assembleia da Repรบblica, Ilรญdia Quadrado, questionou o Governo para saber o ponto de situaรงรฃo do estudo sobre a ampliaรงรฃo da pista do Aeroporto da Horta, “uma obra que se mantรฉm na incerteza, o que prejudica a economia do Faial e da Regiรฃo”, considera.
Falando na audiรงรฃo regimental ao Ministro das Infraestruturas e da Habitaรงรฃo, a social democrata recordou que o parlamento recomendou ao Governo, em 2019, “a adoรงรฃo de medidas urgentes para a ampliaรงรฃo da pista e para a melhoria da capacidade operacional do referido Aeroporto”.
“Atรฉ hoje, sabemos que a ANA/ VINCI confirmou que vai avanรงar com obras por questรตes de seguranรงa, pelo que se devia aproveitar a oportunidade para realizar a tรฃo desejada ampliaรงรฃo”, defende Ilรญdia Quadrado.
E foi isso que a deputada aรงoriana disse ao Governo, insistindo que os motivos para a ampliaรงรฃo da pista “vรฃo muito para alรฉm das restriรงรตes que as RESA poderรฃo solucionar, pois hรก inรบmeros constrangimentos provocados pelo seu insuficiente comprimento, que poderiam ser resolvidos com uma ampliaรงรฃo atรฉ, pelo menos, aos 2050 metros”, referiu.
“Os atuais condicionalismos penalizam a economia da ilha e, por conseguinte, dos Aรงores” e, “nos รบltimos Orรงamentos de Estado, o artigo inscrito nรฃo nos elucida claramente sobre o que se pretende”, critica a parlamentar.
“Perante as respostas pouco claras do Governo, consideramos essencial que se esclareรงam os faialenses e os aรงorianos”, adianta Ilรญdia Quadrado, para quem “dizer que as questรตes devem ser separadas, que o investimento da ANA deve estar concluรญdo em 2023, e que hรก preocupaรงรฃo face ร  reestruturaรงรฃo e renovaรงรฃo da frota da SATA รฉ muito pouco”, afirma.
A deputada ficou a saber, pelo Secretรกrio de Estado Adjunto e das Comunicaรงรตes, “que o diagnรณstico atual nรฃo รฉ de todo satisfatรณrio, pois o estudo que existe – da Cรขmara Municipal da Horta – foi avaliado pelo LNEC e pela ANAC, e ambas concluรญram que os custos estรฃo subavaliados. Ou seja, a obra custarรก muito mais do que a estimativa inicial de 35 a 40 milhรตes de euros”, revela.
Ilรญdia Quadrado diz tambรฉm que “o Governo estรก ainda a tentar perceber se aquela despesa รฉ elegรญvel no prรณximo quadro comunitรกrio de apoio, no PT 20-30, estando em curso esforรงos para encontrar uma fonte de financiamento europeia que possa resolver o problema”, explica.
“Mas a verdade รฉ que รฉ necessรกria uma soluรงรฃo para o comprimento da pista, e as iniciativas levadas a cabo pelas vรกrias entidades tรชm sido demoradas e inconclusivas. A ilha do Faial e os Aรงores precisam de mais do que isso”, concluiu a deputada do PSD/Aรงores.
154364151_1091190634703957_381533618073832200_n