𝗩𝗔π—₯π—œπ—”π—‘π—§π—˜ Γ€ π—–π—œπ——π—”π——π—˜ 𝗗𝗔 𝗛𝗒π—₯𝗧𝗔. π—œπ—‘π—–π—¨π— π—£π—₯π—œπ— π—˜π—‘π—§π—’ 𝗗𝗒 π—šπ—’π—©π—˜π—₯𝗑𝗒 Γ‰ 𝗨𝗠𝗔 π—™π—”π—Ÿπ—§π—” π——π—˜ π—₯π—˜π—¦π—£π—˜π—œπ—§π—’ 𝗣𝗔π—₯𝗔 𝗖𝗒𝗠 𝗒𝗦 π—™π—”π—œπ—”π—Ÿπ—˜π—‘π—¦π—˜π—¦

O PSD/Faial denunciou esta segunda feira β€œa contΓ­nua falta de respeito do Governo Regional para com os faialenses, no que toca a investimentos estruturantes para a ilha, nomeadamente a obra da Variante Γ  Cidade da Horta”.
A queixa foi proferida pelo presidente da ComissΓ£o PolΓ­tica de Ilha, Carlos Ferreira, numa conferΓͺncia de imprensa que teve lugar no troΓ§o da primeira fase da Variante, β€œe no primeiro dia da semana em que o Governo vai visitar o Faial”, adiantou.
O social democrata afirmou que β€œa Variante Γ© uma obra estruturante porque tem implicaçáes com a Frente Mar e o reordenamento do trΓ’nsito na cidade, nomeadamente em relação Γ  circulação de veΓ­culos pesados”.
β€œAssim, a segunda fase da prometida empreitada Γ© muito necessΓ‘ria, pois a sua falta sente-se diariamente nas horas de mais trΓ‘fego numa importante porta de entrada e saΓ­da da cidade e na envolvente ao Hospital da Horta, alΓ©m de constituir uma via central na ligação ao aeroporto”, explicou o Presidente do PSD/Faial.
Carlos Ferreira reiterou que a sua conclusΓ£o β€œΓ© agora ainda mais urgente, dada a deslocalização do quartel de bombeiros para a zona industrial. Γ‰ indispensΓ‘vel termos a Variante para que os veΓ­culos de emergΓͺncia nΓ£o tenham de passar pela cidade e possam garantir o rΓ‘pido socorro Γ s populaçáes do lado norte da ilha”, afirmou.
O lΓ­der dos social democratas faialenses esclareceu que β€œo PSD/Faial concorda com os investimentos realizados nas outras ilhas – incluindo naturalmente os que requalificam a rede viΓ‘ria – mas nΓ£o aceita que seja dado ao Faial um tratamento discriminatΓ³rio, como acontece com a Variante, com a segunda fase da requalificação da escola bΓ‘sica ou com as Termas do Varadouro”.
β€œO que nΓ³s, faialenses, reivindicamos sΓ£o obras prometidas em vΓ‘rios manifestos eleitorais do PS e que serviram para ganhar eleiçáes. Pelo que deveriam, hΓ‘ muito, ter sido concretizadas”, acrescentou.
Para Carlos Ferreira, o Governo Regional β€œnΓ£o quis fazer a segunda fase da Variante, encontra-se cansado e estΓ‘ em fim de ciclo, pelo que nΓ£o faz sentido requerer agora que faΓ§a a obra”.
Assim, para alΓ©m de confrontar o presidente do Governo com mais este incumprimento para com os faialenses, β€œvamos garantir a atribuição de prioridade ao investimento na segunda fase da Variante Γ  cidade da Horta no programa eleitoral do PSD/AΓ§ores. Se ganharmos, a obra serΓ‘ feita”, concluiu.
116217112_937007876788901_2727552923068218598_n
fb-share-icon
Scroll to Top