AUTARCAS DEFENDEM MAIOR ARTICULAÇÃO DO MUNICÍPIO COM AS JUNTAS DE FREGUESIA


A Comissão Política do PSD do Faial e os presidentes de Junta de Freguesia eleitos nas listas do partido reuniram por videoconferência para uma análise da atualidade autárquica e das ações relativas à Covid-19, nas dimensões de saúde pública, apoio às famílias e sustentabilidade da economia.

Os autarcas defenderam a necessidade de uma maior e melhor comunicação da Câmara Municipal com as freguesias, nomeadamente no que respeita ao planeamento para a prossecução das tarefas atribuídas às Juntas de freguesia no quadro dos protocolos de delegação de competências do município.

Outro dos pontos que mereceu preocupação foi a distribuição de máscaras sociais pelas juntas de freguesia, com base num acordo do Governo Regional dos Açores com a Delegação dos Açores da Associação Nacional de Freguesias (ANAFRE), sem que tenha sido feita uma comunicação formal às juntas de freguesia para a execução desta tarefa por parte do governo regional. As preocupações dos autarcas presentes incidiram na falta de informação sobre o processo da distribuição dos kit’s das máscaras, tanto na forma como na segurança da sua entrega, e ainda o tempo decorrido desde o seu anúncio até à chegada dos kit´s ao Faial.

Relativamente ao ensino, os autarcas de freguesia – os que estão mais perto das populações – transmitiram as preocupações de muitos pais e encarregados de educação sobre o ensino à distância, nomeadamente as dificuldades de muitas famílias no acompanhamento das crianças e o acesso aos equipamentos informáticos, bem como a situação dos estudantes que se encontram no exterior e continuam impedidos de regressar à sua ilha.

A Comissão Política do PSD do Faial e Presidentes das Juntas de Freguesia manifestaram também o seu apreço pelo civismo dos faialenses, de um modo geral, no cumprimento das medidas determinadas no período de vigência do Estado de Emergência e das recomendações das Autoridades de Saúde, comportamento que se tem revelado decisivo para a contenção da propagação do vírus na nossa ilha.

Por último, foi também manifestado o reconhecimento unânime pelo trabalho desenvolvido por todos os profissionais de saúde, elementos das forças de segurança, bombeiros, trabalhadores da área dos resíduos e da limpeza urbana, funcionários das instituições de solidariedade social, profissionais do comércio, indústria e serviços, entre outros, que com o seu empenhado esforço têm assegurado o funcionamento de atividades essenciais para assistir ou minimizar as dificuldades dos cidadãos.

96506300_881771142312575_3963925617849663488_o